Aquisição permanente de novos conhecimentos é fator indispensável para o empreendedor de sucesso

No INFO ACIMDERJ 7a. edição,  publicamos a conversa com o Diretor Marcelo Terra dos Santos, membro do Conselho Fiscal da ACIMDERJ.  Sua trajetória profissional teve início em uma madeireira familiar de propriedade do tio, onde ele e seu irmão Alexandre, ainda bem jovens, começaram a aprender sobre o segmento de madeiras e receberam as primeiras noções de gestão empresarial. Passados três anos, ambos resolveram sair dessa empresa, pois alimentavam o sonho de abrir seu próprio negócio. Marcelo, um rapaz de 23 anos à época e que possuía todas as comodidades oferecidas pela família, tomou decisões pessoais importantes que o levaram à posição profissional que hoje ocupa: decidiu trancar a faculdade de Administração e utilizar o pouco capital que tinha em mãos para abrir o próprio negócio, trabalhando com dedicação para que não precisasse ser funcionário de mais ninguém.  Ele lembra que ao comunicar essas decisões, passou a enfrentar a descrença dos familiares que alegavam que o ramo de madeiras “estava acabando” e que estaria perdendo tempo e dinheiro insistindo nessa ideia. Perseverante no seu objetivo, Marcelo decidiu trabalhar no comércio informal e, assim, fazer aumentar seu capital para abrir o próprio negócio.  

 

Após seis meses nessa luta, o Conselheiro pode finalmente comprar a primeira carga de madeira, inaugurando, assim, a Mar Mad Madeiras que nasceu em 1997 revendendo carga fechada de madeira de marfi m. Ele faz questão de ressaltar que sua primeira carga vendida foi para um dos nossos associados, o Sr. Frank da Fibrolar. Na época convenceu seu irmão a tornar-se sócio da empresa e seu pai, Sr. Jose Luiz, passou a apoiar os fi lhos nessa nova jornada. Como o capital era limitado, após a venda da carga, ele ia ao Paraguai para comprar as toras, serrar e depois despachava na fronteira, mas o processo era muito lento. Algum tempo depois e durante essas viagens, Marcelo conheceu sua esposa Angela, futura companheira de trabalho. Viveram algum tempo no Paraguai comprando madeiras e enviando para o RJ para que seu irmão comercializasse o produto e, com o passar dos anos, mudaram-se definitivamente para o RJ. Com isso, a Mar Mad Madeiras deixou de ser revendedora de carga fechada e passou a ser varejista. Nessa mesma época Angela começou a trabalhar na empresa e como tinham pouco conhecimento de gestão de negócios, ambos optaram pelo caminho que todo novo empreendedor deve ter como meta: buscaram o apoio e orientação do SEBRAE e de outros cursos. Com a aquisição de novos conhecimentos, a empresa foi se adaptando ao mercado, em um jogo de erros e acertos, onde os erros os ensinaram a evitar novos erros e os acertos eram colocados em prática. Após 22 anos de trabalho intenso, a Mar Mad Madeiras, estabelecida em São João de Meriti-RJ, foi se firmando e crescendo no mercado. Hoje ela conta com uma equipe engajada, altamente selecionada e competente, que possibilitou à empresa conquistar um lugar de renome no ramo madeireiro do RJ. Com base em sua trajetória, Marcelo sugere aos novos empreendedores que é preciso manter o foco e os objetivos traçados, não desistir diante das dificuldades e manter-se continuamente na busca e aperfeiçoamento de conhecimentos.

 

Ao ser consultado acerca do cenário político que se desenha no país com a posse dos novos governantes, o Conselheiro vê com bons olhos o atual momento e destaca que está atento à reforma da previdência, mas que sua maior expectativa está depositada na reforma tributária, pois acredita que ela poderá contribuir de modo mais expressivo para o desenvolvimento do Brasil. Está convicto que o crescimento em 2019 deve ser bem modesto em comparação a 2020, quando vislumbra melhores expectativas. Visando esse crescimento, a Mar Mad está investindo em estrutura para uma nova instalação dentro de uma área de 4.000 m² e assim melhorar o atendimento ao cliente e diversificar o estoque. Marcelo faz questão de destacar a importância da aquisição de conhecimentos para se estabelecer nesse mercado madeireiro e destaca a atuação da ACIMDERJ, que se tornou para ele uma fonte de consulta, pois, nas reuniões mensais, sempre é possível obter boas sugestões dos associados e demais membros da diretoria, tendo em vista que o grupo é formado por vários madeireiros que enfrentam problemas iguais ou semelhantes, e nesses encontros sempre existe a troca de conhecimentos e experiências, o que é muito gratificante. Por fim, destaca a atuação do Presidente da Associação, Wadson Werly, que considera um grande articulador, pois procura divulgar em todos os ambientes onde atua o trabalho desenvolvido pela ACIMDERJ, exemplo que, a seu ver, deve ser seguido por todos os diretores e associados, além de que seria muito importante que cada um pudesse se dedicar um pouco mais à associação. Ressalta, ainda, que é provável, a partir de se colocar em prática alguns projetos de resíduos, ampliar o número de associados, fato que fortaleceria cada vez mais a instituição.

 

Por - Comunicação, Acimderj

Clique aqui e Leia na íntegra o Info ACIMDERJ, 7a. Ed.

 

 

Please reload

Destaques

Mensagem do Presidente

September 17, 2019

1/10
Please reload

Matérias Recentes

September 17, 2019

Please reload

Rua Lafaiete Pimenta, 44 Centro - Nova Iguaçu - RJ - Brasil - CEP: 262216-100
(21) 2768-7918

contato@acimderj.org.br

  • LinkedIn - Círculo Branco
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle